Tendência na perfumaria: fragrâncias leves ou quase sem cheiro

Qualquer item relacionado à beleza segue linhas que caminham conforme o comportamento dos consumidores. Essa situação não é diferente em relação aos perfumes. Por isso, uma tendência na perfumaria são as fragrâncias leves ou praticamente sem cheiro.

Tal fenômeno tem relação com um movimento mundial que valoriza a beleza natural. Um bom exemplo é a maquiagem leve, que quase não aparece, mas tem o poder de realçar os detalhes. Na perfumaria, o efeito “clean” traz à tona os perfumes que cheiram à chuva, grama e banho.

Uma geração básica

Os millennials, que fazem parte da geração que está no topo do mercado de trabalho e de consumo, buscam autenticidade. Portanto, todo e qualquer produto de beleza utilizado precisa despertar a identidade interior, realçando seus pontos positivos em vez de sobrepô-los.

Apesar de estarem extremamente conectados ao mundo por meio das tecnologias, os novos consumidores querem ser imperceptíveis. Isso inclui, além de outras atitudes, deixar de lado perfumes muito fortes e marcantes.

Um comportamento comum, pelo menos até pouco tempo atrás, era se fazer ser notado pelo perfume. Porém, receber o questionamento sobre “qual perfume está usando” pode estar em processo de transição para um comentário bem mais simples, como “que cheiro bom!”.

Mas, afinal, do que estamos falando?

Ok, até aqui entendemos por que as fragrâncias mais leves são uma tendência na perfumaria. Mas, de que raios estamos falando? Na prática, quais são esses perfumes? Os preferidos têm sido aqueles que remetem a cheiros naturais, como grama e chuva, por exemplo. Mas há também quem prefira o cheirinho de banho e de talco de bebê.

Para escolher, é preciso ter atenção às notas que fazem parte da composição do produto. Geralmente, esses perfumes têm essências de ervas verdes frescas, como alecrim, tomilho, sálvia e até mesmo lavanda e tons cítricos.

Veja, a seguir, algumas sugestões:

Light Blue – Dolce&Gabbana: esse é um perfume importado floral frutado, que leva limão siciliano, folhas de maçã verde, rosa branca, bambu, jasmim e cedro.

CK One – Calvin Klein: além de ser unissex, essa fragrância combina perfeitamente com a tendência na perfumaria que apresentamos. O perfume carrega essências como tangerina, lavanda, limão e chá verde.

Bvlgari Pour Homme – Bvlgari: essa é uma opção de perfume suave em alternativa às fragrâncias masculinas fortes. Entre as suas notas, podemos destacar a leveza da lavanda, da tangerina, do chá e do cyclamen.

O que você achou dessa tendência na perfumaria? Compartilhe este conteúdo com seus amigos e espalhe informação nas suas redes sociais.

Share this post

Não há comentários neste post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Start typing and press Enter to search

Carrinho de compras

Nenhum produto no carrinho.